Mala de maternidade: o que levar

Chegados os últimos dois meses de gravidez, impõem-se as mil e uma questões sobre a mala de maternidade. Conheça aqui todas as respostas e prepare-se atempadamente.

A partir das 34 semanas, mais coisa menos coisa, devemos estar mais ou menos preparados para receber os nossos bebés – esperando que eles se mantenham no quentinho durante pelo menos mais um mês, claro! E se tudo o que o quarto do bebé envolve pode ser acabado pelo pai ou por outros membros da família, a mala da maternidade não pode esperar por ninguém.

Pensada para nos acompanhar durante os dias em que estamos na maternidade para receber os nossos pequeninos, a mala da maternidade deve conter tudo aquilo que vamos precisar – e um bocadinho daquilo que nem vamos chegar a usar, só por precaução! Hoje em dia, há maternidades que oferecem alguns produtos de higiene (e não só) a mães e bebés durante estes primeiros dias (principalmente nos hospitais privados) mas, nunca fiando, nada como ter tudo à mão!

Ainda não sabe o que levar na mala de maternidade? Siga a nossa lista.

Para a mãe:

É essencial fazer-se acompanhar de todos os documentos necessários na maternidade. Deixe prontos o cartão de cidadão, o boletim de saúde da grávida, todos os exames e análises da gravidez e, caso vá para um hospital privado através de uma seguradora, leve o cartão do seguro.

– Camisas de noite com abertura à frente;

– Roupão;

– Chinelos de quarto e de banho;

– Roupa interior de algodão ou cuecas descartáveis;

– Pensos higiénicos grandes com abas;

– Cinta pós-parto;

– Soutiens de amamentação;

– Discos e creme para mamilos;

– Produtos de higiene habituais;

– Creme gordo;

– Secador de cabelo, caso queira usar;

– Saco para roupa suja;

– Roupa e calçado confortável para o dia em que regressa a casa.

Para o bebé:

O bebé deverá ter três mudas de roupa completas para cada dia. No caso de parto normal, é comum ficar dois dias no hospital; se for cesariana, deverão ser três dias. Ainda assim, na dúvida, é sempre melhor levar coisas a mais do que a menos.

– Mudas completas: bodies de manga comprida, babygrows; casaquinhos, meias e gorro;

– Toalha de banho;

– Manta;

– Chucha;

– Fraldas de pano;

– Fraldas descartáveis em tamanho de recém-nascido;

– Tesoura de pontas redondas;

– Ovo compatível com a cadeirinha do carro.

Categorias
Família
Partilhar

Tudo o que precisa num único espaço