Dia Europeu sem Carros: conheça o programa Norte Green

Comemora-se hoje o Dia Europeu sem Carros. Que alternativas vai escolher hoje? Sugerimos-lhe algumas com o nosso programa Norte Green.

Dia Europeu sem Carros. A data surgiu em França, em 1998, e foi adotada pela União Europeia passados dois anos. Com o objetivo de sensibilizar a população para a necessidade de reduzir o tráfego dentro das cidades e de modo a aumentar a qualidade de vida, esta é uma data que também vai de encontro ao objetivo de garantir a sustentabilidade do planeta.

Como? Optando por alternativas de transporte menos poluentes, tais como os autocarros ou as bicicletas. Sabia que para vir até ao nosso Centro, também não precisa de tirar o seu carro da garagem? Apresentamos-lhe o nosso programa Norte Green.

Lançado em 2009, este é um plano de sustentabilidade que promove o uso de transportes públicos e outros meios de transporte alternativos mais sustentáveis junto dos trabalhadores e visitantes do NorteShopping, para reduzir o impacto dos transportes no Ambiente (emissão de CO2).

Além das hipóteses que lhe apresentamos abaixo, não podíamos deixar de lhe contar primeiro a grande novidade do nosso Centro. O NorteShopping reforçou o estacionamento para bicicletas no novo parque de estacionamento no quadrante laranja, -2.

De metro, autocarro, bicicleta ou mesmo a pé, estas são as opções mais fáceis – e ecológicas – para visitar o nosso Centro neste Dia Europeu sem Carros e, claro, em todos os outros!

Metro

Estação Sete Bicas, na Avenida Senhora da Hora, a poucos metros do NorteShoopping. Pode apanhar as linhas A, B, C e E.

Autocarros STCP

Linhas 205, 504, 506 ou 601, junto ao NorteShopping, na Rua Sara Afonso.

Autocarros Resende

Carreiras 104, 105, 106, 107, 115, 116, 121, 122, 130 e Circular Norte, junto à rotunda AEP e à entrada do Hipermercado Continente.

Bicicletas

Está disponível um parque para bicicletas junto da Porta das Sedas (Porta Principal), no quadrante amarelo, pisos -1 e -2 e no quadrante laranja, no piso -2.

A pé

Entrada pela Rua Sara Afonso (Porta das Sedas) e pela Rua Maria Lamas (Porta do Algodão).

Publicação
20 de Setembro de 2019
Categorias
Sustentabilidade
Partilhar

Tudo o que precisa num único espaço