Albert Watson expõe pela primeira vez em Portugal

Pode nunca ter ouvido falar de Albert Watson mas já viu algumas das suas fotografias. O conceituado fotógrafo de celebridades, moda e publicidade expõe pela primeira vez em Portugal e num centro comercial, uma seleção de 30 imagens onde constam alguns dos seus retratos mais emblemáticos de figuras célebres como Kate Moss, Mick Jagger, Alfred Hitchcock ou Steve Jobs.

Steve Jobs
Steve Jobs

 

A exposição “Kaos” apresenta uma abordagem eclética sobre a visão artística de Watson e reúne imagens que transmitem uma mescla intensa de poder, tensão e poesia. Albert Watson recusa criar imagens aborrecidas: “Tudo o que faço tem que ter qualidade cinematográfica ou gráfica, ou uma combinação de ambos”, afirma. Para além disso o fotógrafo gosta de surpreender, de criar imagens que fiquem na retina. “A seleção que fizemos para a exposição ‘Kaos’ é um excelente exemplo, são todas imagens icónicas, com muito caráter”, conclui.

Natural de Edimburgo, é na Escócia que Watson capta algumas das fotografias mais importantes que estão na memória visual de todos nós. Desde as famosas imagens de Alfred Hitchcock, a primeira celebridade que fotografou em 1973, às fotos de Kate Moss aos 18 anos e ainda as belas e deslumbrantes paisagens de Las Vegas e Benim.

 

 

 

 

 

 

 
Famoso um pouco por todo o mundo, Albert Watson é um dos 20 fotógrafos mais influentes do mundo, combinando arte, moda e publicidade com mestria e genialidade através de um trabalho rico, variado e complexo.

O fotógrafo criou a imagem de centenas de campanhas publicitárias de grandes marcas, como Prada, Gap, Levi’s, Revlon e Chanel. No seu currículo soma ainda mais de cem capas da “Vogue” e mais de 40 da “Rolling Stone”, entre outras publicações como a “Vanity Fair”, a “Time” ou a “Harper’s Bazar”. Fez ainda fotografias de dezenas de cartazes de filmes de Hollywood, como “Kill Bill” e “Memórias de uma Geisha”. A sua obra tem marcado presença em alguns dos maiores e mais conceituados museus do mundo, como o MOMA, de Nova Iorque, o Smithsonian ou o Metropolitan Museum of Art.

Albert é um verdadeiro perfeccionista, acompanha todo o processo fotográfico, desde a captura de imagens até à impressão, para que o resultado final seja totalmente de acordo com os seus elevados padrões de qualidade. É também por isso que, ao longo da sua carreira, tem sido distinguido com inúmeros prémios dos quais se destacam um Grammy, a distinção de carreira atribuída pela Royal Photographic Society ou a Ordem do Império Britânico, atribuída pela Rainha Isabel II.

De 13 de julho a 31 de agosto pode ver 30 das suas fotografias mais icónicas reunidas na exposição “Kaos” que irá ocupar as duas praças centrais do NorteShopping.

cartaz-exposic__a__o-norteshopping_1024 (1)

Publicação
10 de Julho de 2017
Categorias
Cultura
Partilhar

Tudo o que precisa num único espaço